segunda-feira, 24 de outubro de 2011

Carta Aberta a Geraldo Alckmin (Desculpas da PM)


Durou pouco as gozações. Aliás, de extremo mal gosto, preconceituosas, criminosas, ignorantes. Quem pensa e age de maneira condizente a não saber manejar garfo e faca precisa ser colocado em seu devido lugar.

Parte da Torcida Corinthiana - torcedor e trabalhador - redigiu um Carta Aberta (aqui) que foi rapidamente disseminada pelos meios virtuais. Aos milhares os Corinthianos a reivindificavam e repassavam como forma de manifestar sua indignação. Poucas horas depois a Polícia Militar do Estado de São Paulo emitiu uma Nota Oficial com pedido de desculpas.

Foi mais uma vitória das manifestações populares, mesmo que dessa vez virtual, e mais um exemplo de que só a luta muda a vida.

Abaixo o pedido de desculpas da PM. Continuaremos alerta!

Nota oficial da PM:
"A Policia Militar lastreia seus treinamentos calcada no respeito integral aos direitos fundamentais do cidadão, não fazendo e não admitindo nenhum tipo de discriminação. O episódio foi ocasional e pontual, não havendo intenção em macular a imagem de quem quer que seja. Lamentamos o ocorrido e nos desculpamos publicamente, e esclarecemos que a Instituição já orientou as unidades escolas a tomarem cuidado em eventuais alusões nos momentos de teatralizações".

Um comentário:

  1. não tinha conhecimento dessa carta, mas fiquei feliz em saber que ela foi difundida e chegou nas mãos da polícia e do nosso exmo. Governador.
    Gostaria de saber qual o propósito de colocarem vitima e criminoso com camisetas de clubes.

    Mas é isso aí, vamos continuar difundindo a palavra e lutando contra o que achamos errado!

    Saudações Corintianas!

    ResponderExcluir